16 junho, 2017

Trenord: como é utilizar os trens na Região da Lombardia

Ciao amici! Aqui na região da Lombardia o serviço ferroviário é atendido pela Trenord e, por mais redundante que possa parecer, só uma palavra me vem à cabeça para definir: funciona!

As mais de 40 linhas da Trenord atendem às cidades da região e seus entornos como Arona, Asso, Bergamo, Brescia, Chiasso, Como, Cremona, Domodossola, Lecco, Mantova, Milão, Novara, Pavia, Sondrio, Varese, Verona, entre outras. A linha que liga o Aeroporto de Malpensa à Milão também é operada pela Trenord.

Turismo Viagem Morar na Itália
Estação de Milano Cadorna

Bilheteria
Todas as estações possuem bilheteria física, com atendimento pessoal. Entretanto você poderá encontrá-la fechada em dias e horários que variam de estação para estação. A saída é recorrer para as máquinas de autoatendimento. 

Turismo Viagem Morar na Itália
Bilheteria Automática


Comprar bilhete na máquina é extremamente intuitivo:

- na tela inicial escolha o idioma;
- em seguida será feita a escolha do tipo de bilhete. O mais comum é escolher o ferroviário;
- na próxima tela será perguntado se você quer o percurso só de ida (corsa singola), se o bilhete é para ragazzi (menores de 14 anos pagam meia), terceira idade, entre outras opções;

Turismo Viagem Morar na Itália
Tipo de Bilhete


- faça a escolha se deseja viajar na primeira ou segunda classe;

Turismo Viagem Morar na Itália
Opção de Classe


- como partida, já aparecerá a estação onde você está. Avance a tela e escolha a estação de destino. As mais comuns e próximas já aparecerão na tela. Caso seu destino não apareça escolha “outras” e localize a estação;

Turismo Viagem Morar na Itália
Selecione seu Destino


- agora é só escolher a quantidade de bilhetes e inserir as moedas ou notas. O troco máximo das máquinas é de 9.95 euros. Atente-se para não colocar notas grandes para bilhetes de valores baixos. 

Turismo Viagem Morar na Itália
Tela Resumo da Compra

Algumas máquinas aceitam também cartão de débito e crédito. Essa informação aparecerá na tela de pagamento.

Dica: se você quiser se adiantar e já comprar o bilhete da volta, não se esqueça de trocar a estação de partida! Ou então faça a opção de andata e ritorno (ida e volta).

O valor do bilhete é calculado com base na quilometragem do percurso da viagem. Portanto, para distâncias maiores, bilhetes mais caros. Os valores partem de 1.40 euro para percursos de 1 à 5 km e chegam até a 13.00 euros para percursos de 161 à 180 km.

Não se esqueça de validar o bilhete antes de entrar no trem! E mantenha-o sempre com você até o desembarque. Os fiscais passam durante a viagem para verificar os bilhetes e caso você não esteja com o seu (ou tenha comprado percurso inferior, ou esteja sem validação, etc.) poderá pagar multas na casa dos 50.00 euros!

Turismo Viagem Morar na Itália
Valide aqui seu bilhete


As estações

Organização e informação não faltam por aqui. Nas estações você verá telas com informações sobre sua viagem como: de qual binario (plataforma) partirá o trem, o número do trem, o destino, em quais estações obedece parada, horário de partida e, se for o caso, quantos minutos de atraso está estimado. Também existe o serviço de áudio nas estações, informando os próximos trens in arrivo (a dar entrada na estação).

Turismo Viagem Morar na Itália
Estação de Cesano Maderno


Não existe catraca e o acesso é livre na maior parte das estações. Portanto, não esqueça de comprar o bilhete e validá-lo.
Na cidade de Milão, algumas estações como Milano Affori e Milano Cadorna fazem conexão com as linhas do metrô milanese.

Economia

Existe a opção de escolher o bilhete na primeira ou na segunda classe. Eu, particularmente, não vejo diferença alguma entre elas! Do lado de fora do vagão estará marcado se ele é de primeira ou segunda classe. Vale prestar atenção para entrar no vagão correto, caso contrário o fiscal te convidará a se transferir para o local referente ao seu bilhete ;) !

Outra opção para economizar é fazer o abbonamenti, ou seja, comprar bilhetes nas opções semanal, mensal e anual. Nesses casos os descontos valem muuuito a pena. Fiz uma continha de padaria rápida e o resultado foi esse: suponhamos que eu trabalhe em Milão (19 km da minha casa) e preciso de um bilhete de ida e de volta por dia. Logo 5 euros/dia x aproximadamente 260 dias úteis por ano = 1.300 euros por ano com transporte. No bilhete anual da Trenord para os mesmos 19 km paga-se 447 euros. Ou seja, economia de 853 euros (aqui em casa fazemos compras para quatro meses com esse valor!).

Horários

Com o aplicativo da Trenord é possível consultar todos os horários, conhecer as linhas e as paradas que obedecem e planejar rotas com troca de trens. Vale muito a pena! Os horários estão sempre atualizados e notificações são enviadas em caso de anormalidades ou eventos nas estações.

Grande abraço!

Nenhum comentário:

Postar um comentário